Saiba mais sobre a Radiofrequência Íntima Enygma

O tratamento com a radiofrequência íntima Enygma X-Orbital veio para revolucionar a qualidade de vida das mulheres ao envelhecer, por tratar diversas patologias ginecológicas que fazem parte da lista dos incômodos que chegam com o avançar da idade.

A princípio, questões ligadas à intimidade das mulheres foram um tabu na sociedade. Mas, nas últimas décadas, vem ocorrendo uma mudança cultural através da qual elas ganharam cada vez mais vez e voz.

Hoje, assuntos ligados à sexualidade se tornaram cada vez mais comuns e abordados no dia a dia, inclusive na mídia. Isso gerou uma crescente exposição do corpo feminino.

Dessa forma, as mulheres puderam fazer comparações de sua região genital, aumentando o questionamento sobre a estética da área íntima e identificando um modelo estético que mais lhes agradasse.

Ao se sentirem incomodadas e insatisfeitas com a aparência da vagina, diversos outros fatores emocionais e psicológicos fazem com que as mulheres tenham queda de autoestima. Não raro, isso interfere negativamente na sua vida sexual e qualidade de vida.

LEIA TAMBÉM: Rejuvenescimento íntimo não cirúrgico – Entenda o que é e como funciona essa tecnologia revolucionária.

A tecnologia a favor da ginecologia estética e funcional

A procura por procedimentos que modificam a aparência dessa região tem crescido consideravelmente e novas tecnologias têm surgido para serem aliadas das mulheres nessa busca.

Algumas dessas tecnologias que tratam esteticamente essa região têm tido um papel ainda mais importante ao tratar também as questões fisiológicas que acompanham o envelhecimento da região genital.

Uma dessas tecnologias é a radiofrequência íntima da Body Health, a Enygma X-Orbital, que tem tido excelentes resultados no tratamento de diversas doenças ginecológicas que antes só poderiam ser tratadas com a administração de hormônios, que podem ter diversos efeitos colaterais.

E o melhor do tratamento com a radiofrequência genital é que ele é feito de forma não ablativa e confortável para a paciente.

A técnica da radiofrequência íntima Enygma

A radiofrequência vaginal Enygma X-Orbital trabalha promovendo um aquecimento homogêneo e controlado em 360º por todo o canal vaginal, através da emissão de ondas eletromagnéticas por uma ponteira interna emissora de radiofrequência tetrapolar multifrequencial.

Esse aplicador possui 4 aros independentes, que podem ser ajustados para funcionar simultaneamente ou de forma isolada, para tratar regiões específicas de acordo com a necessidade da paciente e recomendação do médico ginecologista.

Além disso, a radiofrequência íntima Enygma possui também o aplicador externo. Esta é utilizada para tratamento das questões estéticas e melhora da aparência dos grandes e pequenos lábios e capuz clitoriano. Dessa forma, aumenta-se a sensibilidade nessas áreas.

O impacto da Enygma X-Orbital

A radiofrequência íntima Enygma X-Orbital atinge profundamente os tecidos da região. Por isso, estimula a síntese de novas fibras de colágeno, melhora a oxigenação, circulação, o metabolismo celular e a hidratação da área.

Também é emitida frequência pela órbita da ponteira, o que aumenta a efetividade e reduz o tempo de aplicação.

Indicações da Enygma X-Orbital

Os problemas estéticos e fisiológicos que o tratamento com radiofrequência genital soluciona são, por exemplo:

  • Secura vaginal;
  • Dispareunia;
  • Relaxamento/frouxidão vaginal;
  • Flacidez da vulva;
  • Atrofia vaginal;
  • Sensação de coceira e queimação,
  • Irritações vulvo-vaginais;
  • Vaginite e cistite recorrentes;
  • Incontinência urinária de esforço leve;
  • Sensibilidade reduzida;
  • Envelhecimento vulvar;
  • Disfunção sexual.

Enfim, o tratamento com a radiofrequência genital Enygma X-Orbital vai muito além das questões estéticas. Pois tem por objetivo tratar de forma global a saúde da mulher e, por consequência, seu bem-estar e qualidade de vida ao melhorar os sintomas das patologias que as acometem com o envelhecimento.

LEIA TAMBÉM A MATÉRIA DA VOGUE: Bem-estar feminino ganha cada vez mais espaço nos consultórios e uma nova aliada: a tecnologia Enygma X-Orbital.

Então, se você é ginecologista, quer mais informações sobre a radiofrequência íntima Enygma X-Orbital e saber como oferecê-la em seu consultório, preencha o formulário abaixo.





Compartilhe!