O Laser Crystal 3D é um equipamento inovador para depilação a laser que trabalha com 3 comprimentos de onda na mesma ponteira: Alexandrite, Diodo e ND Yag. Isso significa que a tecnologia utilizada pode ser ajustada pelo profissional responsável pela aplicação do laser, de acordo com as características da pele e do pelo do paciente e da região a ser tratada.

Esse equipamento age através do princípio da fototermólise seletiva, que concentra a energia do laser através da melanina presente em todo o comprimento do pelo. A destruição do bulbo, responsável pelo crescimento do pelo, ocorre através do acúmulo dessa energia. Com isso, a “raíz” do pelo é destruída e ele não terá seu crescimento continuado.

A aplicação do laser Crystal 3D pode ser feita de duas maneiras: modo Crystal Point, mais conhecido como pontual e Crystal Motion, conhecido como varredura. Mas você sabe a diferença entre essas duas formas de aplicação do laser? Como e quando usar cada uma delas? É o que veremos logo abaixo!

Aplicação do Laser Crystal 3D

Durante a aplicação do laser Crystal 3D, a energia deve ser concentrada em quadrantes de, no máximo 10x20cm, onde o tratamento durará, aproximadamente, 30 segundos, dependendo das características da área a ser tratada.

O profissional responsável deve começar a aplicação do laser em zigue-zague horizontalmente e descer, depois subir até completar o tratamento no quadrante.

A técnica varia de acordo com o modo e a frequência escolhidos, pois nas altas frequências (8Hz e 10Hz) devem ser feitas 4 passagens do cabeçote por linha antes de descer e concluir todo o tratamento no quadrante.

Crystal Motion: aplicação do laser em modo varredura

O Crystal Motion consiste em movimentar o aplicador repetidamente sobre a área de tratamento durante a aplicação do laser, destinando a energia sobre uma área mais ampla, por exemplo, nas áreas de axilas.

Em áreas extensas, como pernas e peitoral, por exemplo, orienta-se subdividir as áreas de tratamentos para que não ocorra dispersão exagerada da energia e, dessa forma, ter um resultado prejudicado. As áreas podem ser divididas nos seguintes tamanhos:  5 cm x 10 cm; 5 cm x 20 cm; 10 cm x 15 cm e 10 cm x 20 cm.

O modo de aplicação do laser em varredura também possui um método de proteção, que permite a segurança do paciente, evitando o risco de queimaduras. Isso é feito respeitando os tempos de relaxamento térmico da pele, assim como a quantidade de joules emitidos com uma determinada largura de pulso, que é capaz de destruir o bulbo capilar. Isso é automaticamente calculado pelo software a partir do momento que se define o fototipo do cliente e as características do pelo.

Esses parâmetros serão avaliados pelo profissional treinado e aplicados de acordo com as necessidades e o que for conveniente para o paciente.

Como fazer a aplicação do laser em varredura?

Na aplicação do laser em modo Crystal Motion, o profissional deve segurar o gatilho enquanto o movimento no quadrante é realizado, de acordo com a imagem já mostrada acima.

Nesse modo, a escolha da frequência influencia na quantidade de pulsos por segundo que o laser vai disparar. Sendo que 1hz dá um ponto forte de energia e 10hz dá um dinamismo maior. Isso interfere na velocidade da passada, por causa do acúmulo de energia.

Dependendo da frequência, a manobra deve ser realizada:

  • 1 hz: 1 vez por quadrante
  • 2 hz: 1-2 repetições por quadrante
  • 3 hz: 1-2 repetições por quadrante
  • 5 hz: 3-4 repetições por quadrante
  • 8 hz: 3-4 repetições por quadrante (PASSE 4 VEZES POR LINHA)
  • 10 hz: 3-4 repetições por quadrante (PASSE 4 VEZES POR LINHA)
VOCÊ TAMBÉM PODE SE INTERESSAR POR:
👉 Como funciona o Laser de Diodo e por que ter essa tecnologia na sua clínica?
👉 5 benefícios da depilação a laser com o Laser Crystal 3D
👉 Depilação a laser em pele negra sem riscos, é possível?

Crystal Point: aplicação do laser em modo pontual

O modo de aplicação Crystal Point, mais conhecido como pontual, consiste na aplicação estática de pequenas rajadas de pulso com tempos de descanso. Isso permite trabalhar pequenas áreas sem superaquecer a pele e com grande precisão, por exemplo, nas áreas faciais.

Também é útil em áreas com pelos residuais, que devido às suas características, não respondem adequadamente à fluência produzida no modo varredura.

Por exemplo: após 6 sessões de aplicação de laser na perna, ainda ficaram alguns pontos com pelo na região. Nesse caso, aplica-se o laser de forma pontual, para a energia ser direcionada exatamente onde o pelo nasceu.

O modo de aplicação pontual também é aplicável em regiões em que é difícil de se fazer o modo varredura, como a região do buço. Nessa área pode ser aplicado tanto o modo varredura, quanto o pontual, mas nem sempre os profissionais conseguem fazer o modo varredura.

Mas atenção! A aplicação do laser em modo pontual acaba gerando muito mais energia, por ser ponto a ponto e por não permitir o ajuste dos parâmetros. Então, esse tipo de aplicação do laser não é aconselhável para fototipos mais altos, como 5 e 6, pois têm mais riscos de queimaduras.

Como fazer a aplicação do laser pontual?

Por fim, no modo pontual, a energia é disparada ponto a ponto. Então, a ponteira deve ser colocada de forma perpendicular à área e o profissional deve pressionar o gatilho, pressionando e segurando por 2 segundos. A cada disparo, são ativados 5 pulsos – 5 Hz.

O profissional deve passar o laser de 1 a 2 vezes por quadrante.

O melhor método a ser utilizado na aplicação do Laser Crystal 3D, bem como os parâmetros utilizados, deve ser uma escolha do profissional responsável pelo tratamento após a realização de uma avaliação criteriosa do paciente.

Nessa avaliação, o histórico do paciente, o tipo de pele e o tipo de pelo devem ser bem analisados, para se chegar a um protocolo personalizado, de forma a alcançar os melhores resultados após as sessões.

No vídeo abaixo, você pode visualizar os dois modos de aplicação:

Enfim, ainda não tem o Crystal 3D na sua clínica? Preencha o formulário abaixo e saiba como revolucionar o seu negócio com esse equipamento inovador.